Uma senha sera enviada para seu e-mail

Londres é minha cidade favorita no mundo. Numa das minhas primeiras noites caminhando pelo bairro do Soho passei em frente ao The Intrepid Fox, um pub punk, gótico e rock and roll. Meus olhos brilharam quando vi as criaturas que bebiam ali e soube que tinha encontrado minha casa.

Era 1997 e fiquei por lá quase 2 meses. E desde então meu coração nunca mais saiu de Londres. Voltei para outra temporada de 2 meses em 1998. Alguns anos mais tarde fiz as malas e fui embora de vez para lá, acreditando que nunca mais voltaria. Morei em Londres por dois anos (2002-2003), mas acabei retornando à São Paulo com saudades da família e dos amigos.

Visitei mais um tanto de vezes. É em Londres que me sinto em casa, não importa se o céu está cinza ou a garoa fina caindo. Para mim, lá tudo é perfeito.

ATENÇÃO! O Seguro Viagem é obrigatório para entrar na Inglaterra.
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

Londres 1a visita

Transporte em Londres

O transporte em Londres é uma maravilha. A cidade é bem coberta por uma malha de metrô, trem e ônibus que te levam para qualquer canto. Há busões rodando 24h, os pontos e trajetos são bem sinalizados. Mas os preços andam altos. Quase caí para trás na última visita.

Se você tiver um cartão Oyster sai um pouquinho mais barato. Se for ficar uns dias vale a pena comprar o cartão. Tem um Oyster especial para visitantes. Você pode comprar um Oyster em num dos Centros de Informação London Travel, em Oyster Tickets Stops, e em qualquer estação da cidade. Veja os detalhes aqui. Você coloca crédito no seu cartão e vai utilizando. É muito fácil recarregar. Em qualquer estação você adiciona créditos com o cartão de crédito nas máquinas. Ou você pode comprar travelcards de papel diariamente, também nas máquinas, com cartão de crédito. Aqui tem um comparativo entre Oyster e Travelcards.

Londres Millemium Bridge

Millemium Bridge

Comer em Londres

É possível comer em restaurantes por 10-15 libras. Uma opção super barata é comprar refeições prontas nos supermercados. Tem versões express pequenas de todos os mercados que vendem pratos prontos bem gostosos, além de sanduíches e frutas, saquinhos de nuts, bebidas, etc. Os ingleses comem muito assim.

A boa notícia é que agora tem até pratos quentes! Uhuw! Até no inverno rola de comer as comidas do mercado agora ?  Dá para comer assim gastando apenas uns £5.
Coisinhas que você precisa experimentar: fish and chips, claro, o famoso peixe frito com batatas fritas, o tradicional café da manhã inglês, com baked beans, torrada, salsicha, bacon e ovos. Se tiver oportunidade, entre num pub de domingo e peça um Sunday roast.

Fazendo um picnic em Londres com as comidinhas compradas no supermercado

Fazendo um picnic em Londres com as comidinhas compradas no supermercado

 O que fazer na capital inglesa

Abaixo tem alguns roteiros de passeios que eu sugiro.

Roteiro de caminhada pelo Tâmisa
passando pelo Big Ben e Parlamento, London Eye, South Bank, Tate Modern, Millenium Bridge, Shakespeare Globe, London Brigde e The Shard.

Passeio por Greenwich voltando de barco pelo Tâmisa
passando por todas as pontes

Caminhada saindo de Westminster, passando pelo St James Park, Buckingham Palace, Picadilly Circus, Leicester Square, Trafalgar Square e Covent Garden

Aqui tem posts de passeios bacanas que fizemos e recomendamos:

Dar uma volta na London Eye
Ir nos estúdios do Harry Potter, onde todos os filmes foram gravados
Visitar o Shakespeare Globe

O lado de fora do Shakespeare Globe, em Londres

O lado de fora do Shakespeare Globe, em Londres

Além disso, há outras coisas legais para visitar. Apesar das libras serem bem desvantajosas para nós brasileiros, há muito o que se fazer em Londres sem pagar nada. Aqui tem uma lista completa de atrações gratuitas em Londres.

Algumas coisas que eu gosto:

Camden Town: passeio imperdível. Para mim é o paraíso das compras. Muita roupa legal, sapatos, acessórios, discos, artesanatos, souvenirs… São vários markets na área, inclusive o Stable´s Market, mega antigo. Precisa visitar a CyberDog, uma loja de música eletrônica ultra moderna. (Stables Market, Chalk Farm Rd). Tem o Regent´s Canal onde você pode comer ou tomar um pint curtindo suas águas. Tem barraquinhas de comida de tudo quanto é canto do mundo. Nos finais de semana o mercado é mais cheio e legal de visitar, mas durante a semana funciona também. Leve dinheiro pois alguns lugares só aceitam cash e as filas dos caixas eletrônicos são gigantes.

The Monument: este monumento fica a 66 metros do local onde começou o Grande Incêndio de Londres em 1666 de que destruiu boa parte da cidade. Fica no cruzamento da Monument Street com Fish Street Hill. São 311 degraus para chegar ao topo de onde você desfruta de vistas bacanas da cidade. Para chegar use estação Monument (District and Circle lines) ou London Bridge (Northern e Jubilee lines)
Adulto: £4; descontos £2.70; crianças (menores de 16) £2. Possível comprar tickets conjuntos para visitar a Tower Bridge por £10.50 (adulto); £7.20 descontos; £4.70 crianças.

Quarteirão dos museus: Science Museum, Victoria and Albert e Natural History Museum. Os três ficam um do lado do outro e são maravilhosos e gratuitos. Se você for rápido e não parar muito para ler e experimentar, até dá para dar uma olhada rápida nos três. Se você curte muito, dá para passar um dia inteiro em cada um. Meu favorito é o Natural History Museum. Primeiro porque o prédio dele é de cair o queixo (foto abaixo). O grande hall de entrada com um esqueleto de dinossauro é encantador. A parte dos dinos é sensacional. Tem muita coisa legal nesse museu.

O Science Museum é bem na pegada mãos à obra. Você pode fazer muitos experimentos e aprender sobre ciências de maneira divertida. Tem até uma pedra da Lua lá! Victoria and Albert Museum tem artes e design. Um grande acervo de cerâmica, móveis, roupas, joias, foto, metais, esculturas, pinturas e muito mais.

Notting Hill
O bairro tem um market super tradicional e visitado. Ficou famoso mesmo depois do filme com a Julia Roberts e Hugh Grant. Fizemos um vídeo visitando as locações incluindo os endereços. O melhor dia para visitar é sábado. tem de tudo um pouco. De segunda a quinta é uma feira comum e mais vazio. Na sexta é voltado para roupas e também é bem animado. Domingo é o dia mais calmo, sem muitas barraquinhas. As lojas funcionam. Metrô Notting Hill Gate.

Quando estivemos lá visitamos as locações do filme Um Lugar Chamado Notting Hill, que é o filme favorito da Gabi. Nesse vídeo mostramos tudo e tem os endereços se você quiser visitar também.

 

 

Hyde Park/Kensignton Gardens
Os dois ficam grudados. No Hyde Parque ficam The Serpentine Bridge, a fonte Joy of Life e a estátua Archiles. Aos domingos você pode ouvir as pessoas dividindo suas opiniões no Speaker’s Corner.
No Kensignton Gardens fica o Kensington Palace, onde morava a Princesa Diana, o Italian Gardens, o Albert Memorial e a Serpentine Gallery, uma galeria de arte contemporânea e um playgroud temático do Peter Pan. Bem na frente do Albert Memorium tem o lindíssimo Royal Albert Hall, local onde acontecem apresentações.

Regent’s Park e Primrose Hill
Regent’s Park tem um belo jardim de rosas, um teatro a céu aberto, o zoológico de Londres e várias áreas de esportes.

Abbey Road
Mega famosa devido aos Beatles, muitos turistas vão lá para fazer uma foto como na capa do álbum Abbey Road, do quarteto de Liverpool. Ali fica também os estúdios onde eles gravaram.

British Museum
Mais um incrível museu gratuito em Londres. Alguns destaques são as esculturas do Parthenon grego e múmias egípcias. É visitado por 6 milhões de pessoas por ano. Metrôs: Tottenham Court Road, Holborn, Russell Square

National Gallery
Também grátis, fica ali em Trafalgar Square e tem obras de Botticelli, Leonardo da Vinci, Rembrandt, Gainsborough, Turner, Renoir, Cezanne e Van Gogh.

Teatro, musicais e o West End

Londres tem uma oferta enorme de peças e musicais, muitas vezes com atores e atrizes de sucesso. É sempre uma ótima oportunidade de ver de perto artistas enormes e se você der sorte um dos seus ídolos. Eu assisti a uma peça com Jude Law, na primeira fileira!!!! Como nem sempre é fácil conseguir esses ingressos, escrevi um post dando dicas de como comprar esse tickets. Lá no post tem até o vídeo que fiz do Jude Law na saída do teatro a 2 palmos de distância. Em Londres os atores costumam atender aos fans após a peça. Se você for como nós, pode ir para a stage door do teatro para ver seu ídolo de perto e pegar autógrafo. Vale mencionar que ele foi muito simpático.

Doctor Who

Para quem não conhece, Doctor Who é uma série britânica de ficção científica que existe há 50 anos. Hoje é enorme em todo o mundo. Eu sou mega fan, tenho tatuagem e tudo mais. Escrevi um roteiro whovian em Londres para quem também curte a série.

IMPORTANTE! Não esqueça de adquirir o seu Seguro Viagem. Ele é obrigatório para entrar na Europa, mas mesmo nos países sem obrigatoriedade é muito importante ter o seguro. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma consulta médica ou internação pode custar uma verdadeira fortuna e com o seguro, você terá todo o tratamento coberto. Leia sobre quando ficamos doentes no Egito e na Espanha, ou sobre outra vez em que pegamos uma intoxicação alimentar fortíssima na Bolívia. O Seguro Viagem nos salvou!

Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5


box-planeje-viagem-teste-2

Clique aqui para fazer o seu seguro viagem com a SegurosPromo

Clique aqui para reservar seu hotel ou hostel no Booking.com

Clique aqui para comprar ingressos antecipados na GetYourGuide


Curta Estrangeira no Facebook: http://facebook.com/EstrangeiraViagens

Siga Estrangeira no Instagram: http://instagram.com/estrangeiraviagens

Assine o canal do YouTube do Estrangeira: http://youtube.com/estrangeira

Siga Estrangeira no Pinterest: http://pinterest.com/Estrangeirablog