Visita ao Palácio de Versailles – todas as dicas

O Palácio de Versailles é um dos pontos turísticos mais visitados dos arredores de Paris. Fica na cidade de Versailles, que está a apenas 40 minutos de trem de Paris.

As filas para entrar no Palácio são sempre grandes, por isso a recomendação é tirar um dia todo para esse passeio. Nós ficamos em Paris 5 dias e separamos um dia todo para o Palácio de Versailles.

ATENÇÃO! O Seguro Viagem é obrigatório para entrar na França.
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

jardins-palacio-versalhes-frança-1

As Estrangeiras Fabia e Gabi e nossas companheiras de viagem para o Palácio de Versailles, Sueli e Isabel (mãe e tia da Fabia!)

Como chegar a Versalhes

Nós fomos num domingo. Acordamos cedo e fomos de metrô até a estação Invalides. Ali trocamos para o trem e pegamos a linha RER C5 sentido Versailles Chateau. Você pode pegar essa linha em outros pontos de baldeação do metrô de Paris, planeje com base no que for mais fácil e perto pra você. Essa linha passa mais ou menos de 20 em 20 minutos.

Você precisa comprar um bilhete específico para a zona de Versailles e pode fazer isso em qualquer máquina de bilhetes do metrô (coloque como destino a estação Versailles Chateau e seleciona a opção ida+volta). O valor do bilhete de ida e volta é 8,20 euros.

Descemos na estação Versailles Chateau que fica bem próxima do Palácio, uns 10 minutos de caminhada. Saindo da estação, caminhe para sua direita até a avenida larga que cruza a rua da estação. O Palácio está nessa avenida caminhando para a esquerda.

palacio-versalhes-frança-entrada

Pátio de entrada do Palácio de Versailles

Chegando na entrada do Palácio de Versailles já pudemos desfrutar de uma bela vista. Os portões dourados e o Palácio ao fundo formam uma imagem bem legal.

Para evitar as filas

Chegamos em torno das 10h da manhã e a fila pra entrar no Palácio já dava voltas e mais voltas. Tínhamos lido que a melhor coisa é visitar primeiro os jardins e deixar o palácio pra parte da tarde, quando as filas estão menores. Fizemos isso e realmente é uma ótima dica!

O Jardim do Palácio de Versalles é enorme e visto de cima forma uns desenhos incríveis. Nós estávamos utilizando o Museum Pass, que faz parte do Paris Pass. Ele inclui a entrada no Castelo e nos jardins durante a semana (com exceção da terça). Nos outros dias tem que pagar 9 euros porque acontece o show musical nas fontes. Então se você estiver usando o passe, tente ir de quarta a sexta.

jardins-palacio-versalhes-frança

Os Jardins de Versailles vistos de cima, da altura do castelo.

Os Jardins de Versailles são bem bonitos e passear por lá é uma delícia. O mais legal é se perder pelas passagens e se deparar com fontes e estátuas escondidas. Dentro do jardim tem banheiros públicos e restaurantes/lanchonetes.

Eu estava esperando ser assaltada pelos preços lá dentro, mas achei tudo no preço normal da região de Paris (pagamos 7 euros em um café expresso + garrafa de água + um sanduíche).

jardins-palacio-versalhes-frança-vista

Repare nos desenhos que se formam pelo chão pelos Jardins de Versailles.

O que não valeu a pena foi esse tal show musical das fontes… Não é nada demais, eles ligam as fontes e colocam música clássica pra tocar. Não tem nenhuma iluminação e apesar de haver um movimento ou outro em algumas fontes ele não é sincronizado com a música.

Achamos muito caro 9 euros pra isso. Então visite o Palácio de Versailles entre terça e sexta para não precisar pagar extra.

jardins-palacio-versalhes-frança-show-das-aguas

Show das águas no Palácio de Versailles – não vale o preço…

Como explorar os Jardins do Palácio de Versalhes

Prepare-se para ficar com os sapatos e calças muito empoeirados. Apesar de ser um jardim, as partes para caminhar são todas de terra batida seca e não de grama. Se você não quiser andar por todo o jardim você tem duas opções: ou você pega o trem que dá uma volta ou aluga um mini carrinho elétrico pra ir dirigindo pelo jardim.

A gente fez tudo a pé mesmo. É claro que não fomos até o fundão dos jardins. É realmente enorme e demoraria muito tempo. O trem sai do Terraço Norte do Palácio, faz uma parada no meio do Jardim e segue para o Grand Trianon e na Casa de Maria Antonieta. O preço é €6.90 Saiba mais sobre esse serviço no site oficial: train-versailles.com

Outras opções: fazer um tour guiado a pé ou um passeio de bicicleta. No tour a pé por Versalhes, um guia te conta todas as curiosidades de Versailles e da corte francesa. Depois, sem pegar filas, você pode entrar no palácio e conhecer cada detalhe com um audioguia.

Já no tour de bicicleta, além de conhecer os jardins e palácios, você ainda pode se deliciar em um piquenique com os produtos do mercado local. Os ingressos são em R$ e dá para parcelar em até 6x sem juros no cartão ou em 12x.

jardins-palacio-versalhes-frança-jardim-vertical

Olha que diferentes esses “corredores” dos Jardins de Versailles! Muito legal se perder por lá.

Tem áreas reservadas para picnic e pode ser uma ótima ideia levar seu lanche e sentar para comer ali no jardim. Na área dos jardins ficam o Grand Trianon e o Petit Trianon (o Domínio de Maria Antonieta), locais onde o rei e rainha iam para fugir da pompa e etiqueta do castelo. Lá eles ficavam à vontade e isolados.

jardins-palacio-versalhes-frança-estatua

Escultura divando nos Jardins de Versailles

O Palácio de Versalhes

Quando terminamos a volta pelos jardins, fomos encarar a fila pra entrar no Palácio de Versailles. Ficamos uns 40 minutos, porque já era depois das 13h. Mas mesmo assim o Palácio estava abarrotado de gente rs.

Tem várias opções de tickets e tours pelo Palácio. No fim do post você encontra mais informação. Se você estiver com o Paris Museum Pass, como nós, já pode entrar no palácio só mostrando o passe. Ufa, um pedaço de fila a menos!

Na entrada, você pode pegar um aparelhinho de áudio-guia que está incluído no valor do ingresso – nós preferimos não pegar porque já vimos que estava super lotado e barulhento…

palacio-versalhes-frança-interior-vazio

Dentro do Palácio de Versailles! Não se engane, essa é uma área isolada… Por isso a multidão não aparece na foto, rs.

Dentro do Palácio de Versailles é tudo lindo, mas a nossa experiência foi meio doida. É difícil explicar por palavras a quantidade de gente que tinha ali dentro, acho que só as fotos poderão mostrar. É muita gente mesmo, e tem muitos grupos enormes de excursão que andam em blocos e às vezes bloqueiam a passagem.

Fique de olho nas bolsas e mochilas! Existem batedores de carteira dentro de todos os pontos turísticos de Paris.

Apesar da multidão, o Palácio de Versailles é impressionante e é muito legal conhecer a casa dos reis absolutistas da França. Em alguns cômodos existem projeções de vídeos e maquetes do Palácio, em outros quadros, objetos e tapeçarias e alguns estão montados como eram antigamente, pra você ter uma ideia de como eram os aposentos reais. Na minha opinião, esses são os mais legais. Não é demais entrar no quarto do Rei Luis XVI e ver a cama e móveis originais dele?!

palacio-versalhes-frança-quarto-rei-luis-xvi

Quarto chiquérrimo do Rei Luis XVI, no Palácio de Versailles.

palacio-versalhes-frança-quarto-rainha

O quarto da rainha no Palácio de Versailles

Enquanto estiver passando pelos aposentos do Palácio de Versailles preste atenção nas paredes forradas. Você vai perceber que não é um forro original e sim uma coisa moderna, mas é legal porque o mesmo padrão se repete em todos os cômodos, mas cada um de uma cor (inclusive esse é um bom jeito de se localizar lá dentro).

palacio-versalhes-frança-paredes

Paredes forradas e coloridas do interior do Palácio de Versailles

Existem dois salões maiores e especiais dentro do Palácio de Versailles: a sala dos cristais, onde ocorriam as grandes festas e banquetes (você vai enlouquecer com os lustres de cristais! Pelo menos eu enlouqueci, rs), e a Sala das Batalhas, onde você vai ver quadros que retratam as guerras importantes da França desde a Idade Média.

Os quadros são enormes e essa sala comprida é um mar sem fim de gente lutando em batalha, rs.

palacio-versalhes-frança-salao-de-cristal

Salão de Cristal, a nossa parte favorita do Palácio de Versailles

palacio-versalhes-frança-salao-das-batalhas

O Salão das Batalhas

A arquitetura do Palácio de Versailles é outro ponto importante. Olhe para os detalhes nas portas e beirais e nunca deixe de checar os tetos. É imponente demais!

palacio-versalhes-frança-arquitetura-luxo

A arquitetura interna do Palácio de Versalles é de cair o queixo!

O pátio interno do Palácio de Versailles é bonito e também tem um clima Real interessante. Você entra e sai por ali. Depois de umas 2 horas lá dentro, nós saímos e respiramos um ar mais saudável lá fora.

Voltamos andando para o trem e demos uma passadinha no McDonalds pra comer alguma coisa (apesar do palácio, viajante low-cost não tem grana pra comida de rei, né?)

palacio-versalhes-frança-teto

Olha esse detalhe simétrico do teto de uma das salas do Palácio de Versailles…


Informações práticas: Versalhes

Preços


Passe de 1 dia que dá acesso a todas as áreas €20. Nos dias que acontece o show do Jardim e Fontes Musicais precisa pagar adicional.
Passe de 2 dias custa €30. Nos dias que acontece o show do Jardim e Fontes Musicais precisa pagar adicional.

Palace ticket – entra apenas no Palácio de Versailles. €18 inteira

Os Jardins são gratuitos todos os dias entre novembro e março.

Entre abril e outubro é preciso comprar o ingresso para o show musical do Jardim e das fontes nas terças, sábados e domingos (também alguns feriados)

As coleções permanentes do Palácio, Palácios do Trianon e Domínio de Maria Antonieta são gratuitos para menores de 18 anos e menores de 26 anos residentes na Europa.

No primeiro domingo do mês entre novembro e março a entrada é grátis nos seguintes espaços:

– Apartmentos and Hall dos espelhos
– Exposições
– Apartmentos do Dauphin e Dauphine
– Mesdames’ Apartmentos
– Sala da Coroação, Galeria das Batalhas, sala 1830
– Grand Trianon e Estate of Marie-Antoinette

O Paris Museum Pass inclui entrada no Castelo de Versailles e nos Palácios Trianon. Indicamos comprar antecipado e assim não ter dor de cabeça na hora, no link: Ingresso Antecipado Museum Pass incluindo Versailles.

Como chegar de Paris
Versailles Rive Gauche (RER C saindo da estação Saint-Michel e Champ de Mars)
Versailles Rive Droite (Transilien da estação Saint-Lazare ou La Défense)
Versailles Chantiers (Transilien da estação Montparnasse)

SITE
http://en.chateauversailles.fr/


Roteiro completo em Paris

Acesse: Vale a pena comprar o Paris Pass (Paris PassLib)?

E veja o comparativo: Qual é o melhor passe de Paris?

Citypharma e outras farmácias baratas em Paris

Dicas de 6 hostels bons e baratos em Paris

Melhores hotéis em castelo na França

Vale a pena subir na Torre Montparnasse

Visita às Galeries Lafayette

Aprenda a usar o banheiro público de Paris!

Viagem de trem de alta velocidade entre Paris e Barcelona


Salve a imagem abaixo no Pinterest e aproveite para ver nossos Painéis de Viagem!

Versailles-geral-jardins-pinterest

IMPORTANTE! Não esqueça de adquirir o seu Seguro Viagem. Ele é obrigatório para entrar na Europa, mas mesmo nos países sem obrigatoriedade é muito importante ter o seguro. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma consulta médica ou internação pode custar uma verdadeira fortuna e com o seguro, você terá todo o tratamento coberto. Leia sobre quando ficamos doentes no Egito e na Espanha, ou sobre outra vez em que pegamos uma intoxicação alimentar fortíssima na Bolívia. O Seguro Viagem nos salvou!
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

Planeje sua viagem! Faça suas reservas com nossos parceiros pelos links:
Compre o Seguro Viagem com a Seguros Promo
Reserve seu hotel ou hostel com o Booking.com
Compre ingressos antecipados de atrações no mundo inteiro e evite as filas com a GetYourGuide
Pesquise os melhores preços para alugar carro em mais de 140 países com a RentCars
Compre chip de celular internacional com a Viaje Conectado
Compre passagens aéreas com muito desconto com a Passagens Promo

Curta Estrangeira no Facebook!