Uma senha sera enviada para seu e-mail

Atacama de bicicleta: rolê por Pukará de Quitor e Catarpe

Logo que decidimos ir para San Pedro de Atacama, no Chile, estávamos certas de que gostaríamos de fazer um passeio de bicicleta por lá. Quem nos acompanha sabe que somos fãs de explorar as cidades com as bikes. Vejam nossa série de vídeos no youtube chamada “Estrangeiras de Bike!“. E comece esse passeio dando play no nosso vídeo especial!

Pois bem, da outra vez que a Fabia foi pro Atacama ela alugou uma bicicleta para tentar explorar sozinhas as áreas próximas da pequena cidade. Mas ficou com medo de ir mais longe sozinha. Por isso dessa vez resolvemos fazer um tour guiado. A empresa La Bicicleta Verde nos acompanhou nessa aventura e foi muito bom, porque a guia Adrin nos levou nos lugares certos e foi parando para explicar um pouco mais sobre os locais visitados. A Adrin, aliás, também foi nossa guia no walking tour que fizemos por San Pedro de Atacama.

ATENÇÃO! Recomendamos sempre viajar para fora do Brasil com Seguro Viagem.
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

O que acharam do meu look ciclista? Ps: não tirem selfie enquanto pedalam, isso pode ser perigoso! =P

O que acharam do meu look ciclista? Ps: não tirem selfie enquanto pedalam, isso pode ser perigoso! =P

Nós tínhamos reservado o tour para nós duas em conjunto com Angie e Jean do blog Apure Guria. Infelizmente a Fabia passou mal por causa da altitude no dia anterior e eu fui a única representante do Estrangeira no passeio. Fizemos o tour de 2 horas para visitar Pukará de Quitor e Catarpe.

Eu, Angie e Jean encontramos com a Adrin às 09h00 na Praça de San Pedro. Adrin estava uniformizada com a camiseta verde da empresa para que pudéssemos encontrá-la. Fomos caminhando umas duas quadras até o local onde retiramos as bicicletas. Elas estavam em ótimo estado, eram mountain bikes adequadas para andar em estrada de terra. O banco era bem fininho e o Jean (único menino do grupo) sofreu um pouco. Mas força na bunda e vamos pedalar!

Nossas bikes!

Nossas bikes!

Recebemos também capacetes e fomos aconselhados a levar bastante água e protetor solar. Isso é essencial para pedalar pelo Atacama, viu gente? O sol castiga muito e às vezes bate um vento gelado que pode te enganar. Se lambuze de protetor e beba muuuuuita água pelo caminho. O Atacama é o deserto mais árido do mundo!

Saímos pedalando pelas ruas de San Pedro de Atacama (que não são muitas, rs). Algumas são de paralelepípedo mas a maioria é de terra batida. Nível plano, dificuldade baixa. Começamos a nos afastar da cidade pela estradinha de terra e pedra, que começou a ficar um pouco menos plana. Ainda assim estava tranquilo. O tempo todo fomos acompanhados por 2 cachorros de rua MUITO fofos! Eles não cansaram, foram nossos escudeiros e ainda deixaram as fotos mais legais. 😉

Adrin, nossa guia do La Bicicleta Verde, e o cãozinho aventureiro!

Adrin, nossa guia do La Bicicleta Verde, e o cãozinho aventureiro!

Depois de uns 15 minutos pedalando, o primeiro desafio: atravessar um riacho com a bike! Não era um rio enorme, mas deu frio a barriga, confesso. Os tênis e meias ficaram ensopados, então se prepare! Depois do rio pedalamos mais um pouco até chegar em Pukará de Quitor, nosso primeiro ponto de visita.

Pukará de Quitor é um antigo forte que fica no alto de uma montanha. Nós passamos com a bicicleta pela parte de baixo da estrada, o vimos de longe. Tem gente que sobe a pé ou com a bike mesmo, mas é necessário mais tempo do que tínhamos. Esse forte de pedra foi construído pelos Lickan Antay, o povo atacamenho nativo. Era usado para proteção contra invasores diversos.

Em cima dessa montanha está o antigo forte dos Lickan Antay, Pukará de Quitor.

Em cima dessa montanha está o antigo forte dos Lickan Antay, Pukará de Quitor.

Continuamos pedalando com um sol forte nas costas. A cada 15 minutos mais ou menos parávamos para beber água e tirar fotos. Adrin foi uma guia bem flexível, respeitando os limites do grupo. Em certo momento passamos por diversas árvores de chañar. Essa castanha típica do Atacama lembra a avelã e faz um sorvete delicioso! Eu sei que já falei em outro post, mas dica boa a gente espalha! Não deixe de passar na Sorveteria Babalu, que fica na Calle Caracoles, depois que terminar o passeio de bike para experimentar o sorvete! 😉

Depois de mais alguns quilômetros chegamos a Catarpe! Catarpe é uma área de formações rochosas que fica dentro da Cordillera de la Sal – a mesma área onde estão os famosos Valle de la Luna e Valle de Marte. Entramos com a bike em Catarpe e aí sim a coisa começou a ficar difícil! Depois de quase 40 minutos pedalando ter que subir e descer com a bicicleta em locais apertados e difíceis cansa bastante. 

Adrin nos preparando psicológicamente para encarar Catarpe!

Adrin nos preparando psicológicamente para encarar Catarpe!

Avistamos ao longe uma série de pedras enormes e Adrin nos explicou: estávamos na Garganta del Diablo. A paisagem é muito linda lá dentro, por isso vale o esforço. Em alguns momentos tivemos que descer da bicicleta para levantá-la pelas pedras nos braços ou seria impossível passar. Todo o cuidado é pouco nessa área para não cair ou se ralar nas pedras.

Parece outro planeta, né? Mas é o Atacama, aqui na Terra mesmo!

Parece outro planeta, né? Mas é o Atacama, aqui na Terra mesmo!

Depois que tiramos muitas fotos – e fizemos vídeos! – por ali, pegamos o mesmo caminho para voltar. O tour percorreu 15 quilômetros no total e durou 2 horas. Eu diria que a dificuldade é média por conta da altitude e do terreno de Catarpe. Não é nenhum fim do mundo, mas em 2 mil metros de altitude você cansa bem mais do que no nível do mar.

Adorei fazer esse passeio e conhecer mais os arredores de San Pedro.

A cadelinha tinha mais pique que os 3 blogueiros juntos! Demos a ela o nome "Tibúrcia". <3

A cadelinha tinha mais pique que os 3 blogueiros juntos! Demos a ela o nome “Tibúrcia”. <3

O pessoal do La Bicicleta Verde oferece tours mais longos no Atacama se você tiver tempo e preparo físico. Eles também têm diversas opções de passeios de bike em Santiago, Valparaíso e Viña del Mar. Você pode ver todas as opções e entrar em contato com eles para reservar pelo site oficial: https://labicicletaverde.com/

Leia todos os posts da série Atacama:

– Passeios no Atacama: Quais escolher?

– Dicas de 5 hostels em San Pedro de Atacama

– Desbravando os segredos de San Pedro de Atacama em um Walking Tour

– Passeio ao Vale do Arco-Íris

Tour Astronômico no Deserto do Atacama

– Passeio para as incríveis Lagunas Escondidas

– Perrengue no Atacama: deu tudo errado no passeio para as Lagunas Altiplânicas!

– Laguna Cejar e Ojos del Salar de Atacama

– Como chegar em San Pedro de Atacama – transfer de Calama

– Dicas para manter a pele e o cabelo lindos e hidratados no deserto do Atacama


Ps: esse passeio foi feito em parceria como indicado, mas não se preocupe! Aqui no ESTRANGEIRA nós só contamos experiências verdadeiras que tivemos e damos nossa opinião sincera. Mesmo quando fechamos parceria somos honestas com os leitores sobre tudo, porque o nosso objetivo é dar informação verdadeira e de qualidade para vocês! As políticas do blog podem ser consultadas na aba “Sobre” do menu!

IMPORTANTE! Não esqueça de adquirir o seu Seguro Viagem. Ele é obrigatório para entrar na Europa, mas mesmo nos países sem obrigatoriedade é muito importante ter o seguro. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma consulta médica ou internação pode custar uma verdadeira fortuna e com o seguro, você terá todo o tratamento coberto. Leia sobre quando ficamos doentes no Egito e na Espanha, ou sobre outra vez em que pegamos uma intoxicação alimentar fortíssima na Bolívia. O Seguro Viagem nos salvou!
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

Planeje sua viagem! Faça suas reservas com nossos parceiros pelos links:
Compre o Seguro Viagem com a Seguros Promo
Reserve seu hotel ou hostel com o Booking.com
Compre ingressos antecipados de atrações no mundo inteiro e evite as filas com a GetYourGuide
Pesquise os melhores preços para alugar carro em mais de 140 países com a RentCars

Curta nossa página no Facebook!