Uma senha sera enviada para seu e-mail

O que fazer em Valletta, a capital de Malta

Muita gente visita Malta, esse complexo de ilhas no Mar Mediterrâneo, pensando nas lindas praias de mar azul. Mas saiba que, além disso, o país tem cidades interessantes a visitar! Descubra aqui o que fazer em Valletta, a capital de Malta. 

Valletta é uma cidade curiosa, que mistura modernidade com um clima meio medieval. Dá para aprender muito sobre a história de Malta visitando Valletta, especialmente se você fizer um tour guiado, como nós.

Fizemos o tour com a Audrey que é guia oficial do Visit Malta e sabe muuuuito, além de ser uma fofa. Em 3 horas exploramos os pontos principais do centro de Malta, que listamos abaixo.

O centro histórico de Valletta é Patrimônio Histórico da Unesco. Caminhe pelas vielas, observe o movimento, as lojas, a mistura de moradores e turistas…

Valletta-Malta-Barrakka-Gardens

Upper Barrakka Gardens

Onde ficar em Valletta

Tão importante quanto saber o que fazer em Valletta é escolher onde ficar. Muita gente decide ficar hospedada na capital de Malta, porque Valletta é bem conectada com as linhas de ônibus e rodovias principais e também porque é uma cidade que oferece um pouco de tudo: gastronomia, vida noturna, lojas…

Nós não ficamos hospedadas lá e nos arrependemos amargamente! Abaixo, deixamos uma lista com bons hoteis e hostels em Valletta, para todos os tipos de viajantes e orçamentos. Confira!

Lugares imperdíveis de Valletta

Upper Barrakka Gardens

Começamos o tour por esse jardim e recomendamos que você faça o mesmo. O Upper Barakka Gardens é um belo jardim no alto, com uma super vista para o porto. Fomos em outubro e havia diversas flores coloridas no jardim, que não é muito grande.

Tem um outro jardim mais abaixo, mas o superior é mais bonito.

Leia também: Guia completo da viagem para Malta – roteiro e dicas

Valletta-Malta-Barrakka-Gardens

Auberge de Castille

Bem na frente dos Jardins fica o Auberge de Castille, construído em 1570 como residência dos Cavaleiros da Ordem de São João. Está na parte mais alta de Valletta e é ali que trabalha o Primeiro Ministro de Malta atualmente.

Valletta-Malta-Auberge-de-castille

Estátua Jean de Valette

Pertinho do Auberge de Castille você passará por uma estátua de Jean de Valette, um italiano que foi um dos Grandes Mestres da Ordem de Malta. A estátua está próxima do local onde ele colocou a primeira pedra da cidade, fundando-a em 1566. Não é a toa que Valletta foi nomeada em homenagem a ele!Valetta-Malta-Jean-Vallette

Bem em frente à estátua aproveite para ver o antigo teatro de Malta, que foi bombardeado na 2a Guerra Mundial e depois reconstruído com uma estrutura mais moderna. O povo não curtiu muito a modernidade e houve bastante polêmica. Ele é um teatro aberto.

Leia também: Quais cidades visitar em Malta

 

Valetta-Malta-anfiteatro

Grandmaster’s Palace

Não podemos falar sobre o que fazer em Valletta e deixar o Grandmaster’s Palace de fora. É um belo palácio que fica no coração de Valetta e tem uma história muito importante. Foi construído entre os séculos XIV e XVIII e era o palácio do Grande Mestre da Ordem de São João, que governou Malta por muito tempo.

Por fora o prédio pode não chamar muita atenção, mas ele é bem bonito por dentro! A entrada custa 10,50€. Lá você poderá ver salas que ainda estão mobiliadas e decoradas como eram antes, com muito ouro nas paredes. Uma das salas tem enormes tapeçarias, é lindo!

Atualmente é o palácio do governo de Malta, onde fica o presidente.

Valletta-Malta-Grandmaster-Palace-sala

Essa é a sala oficial onde são recebidos chefes de Estado em Malta

Valletta-Malta-Grandmaster-Palace-corredores

St. John’s Co-Cathedral

Essa é, com certeza, o ponto turístico mais visitado de Malta. E não é a toa, a St. John’s Co-Cathedral é uma igreja fenomenal! Não se deixe enganar pela fachada simples, a beleza mesmo está lá dentro. A entrada custa 10,00€.

Duvido você não ficar de queixo caído quando entrar na catedral. Ela tem uma decoração interna muito diferente, todas as paredes e portas são talhadas com muitos detalhes, em diversas figuras, e tudinho é folheado a ouro 8 quilates!

Além disso, na capela anexa à catedral você pode visitar duas pinturas originais de Caravaggio, sendo uma delas a maior pintura que ele fez e a única que ele assinou! Caravaggio morou um tempo em Malta e por isso fez as pinturas para a catedral.

Leia também: Quanto custa viajar para Malta? Gastos detalhados

Valletta-Malta-St.John's-cathedral

Valletta-Malta-St.John's-cathedral-caravaggio

Sala onde ficam as duas pinturas de Caravaggio

Caffe Cordina

Pode parecer estranho colocar em um artigo sobre o que fazer em Valetta uma cafeteria, mas não é qualquer cafeteria. O Caffe Cordina é um clássico da cidade e tem uma arquitetura interna linda! Não deixe de entrar e tirar algumas fotos.

Além disso é um local bem tradicional para os moradores de Valetta, vale a pena sentar, tomar um café e comer algum dos doces belíssimos deles… difícil é escolher! Pegamos um canolo siciliano que estava bem gostoso.

Eles também servem pratos na hora do almoço, nós comemos lá e estava bom. Nada espetacular, é verdade, mas gostamos. Sem falar que está bem perto das atrações principais.

Leia também: As melhores praias de Malta

Forte St. Elmo

Esse forte é muito bonito e vale a pena ser visitado! Está pertinho do centro, mas como não fica na muvuca a maioria dos turistas não chega até lá – o que faz com que a visita seja tranquila.

A entrada custa 10,00€ e lá de cima do forte você terá uma bela vista para o mar e para as cidades próximas de Valetta. Ele foi construído para proteger a região de invasões e hoje é aberto ao público.

O mais interessante do forte é o Museu Nacional de Guerra que está dentro dele. Lá você poderá aprender bastante sobre a história de Malta com exposições interativas. A parte que eu mais gostei foi o final, sobre a 2a Guerra Mundial.

Eu não sabia que Malta tinha sido tão importante para a vitória dos Aliados na Segunda Guerra, e o museu conta com objetos, aviões e veículos originais da época.

Leia também: Dicas para visitar as ilhas de Comino e Gozo, em Malta

Valetta-Malta-forte

A antiga fortificação é hoje um estúdio de cinema onde foram gravados filmes como Troia, Gladiator e a série Game of Thrones

Valletta Commonwealth Walkway

A Rainha Elizabeth II tem uma ligação com Malta e com Valletta. Ela viveu por 2 anos com seu marido Philip na Villa Guardamangia em Valletta quando o Duque de Edimburgo estava servindo a Marinha, logo nos primeiros anos de casados deles.

Mais tarde, entre 1964 e 1974, Elizabeth II foi Rainha de Malta, embora os papéis constitucionais fossem delegados a um Governador Geral.

Valletta foi a primeira cidade a receber um Commonwealth Walkway, um trajeto marcado por placas de bronze em locais de importância histórica e cultural. O de Valletta foi inaugurado pela Rainha. O plano é instalar trajetos como esse em todos os países do Commomwealth. Existem um App gratuito que te guia pelo trajeto explicando cada ponto.

Valletta-Malta

Descontos em Valletta – Malta Discount Card

Uma dica quente para você que quer economizar é comprar o Malta Discount Card, um cartão que vale 10 dias e te dá descontos na entrada de diversos monumentos, atrações, restaurantes e tours em todo o país de Malta.

Em Valletta, ele dá desconto para entrar no Grandmaster’s Palace e no Forte St. Elmo. Clique aqui para comprar o Malta Discount Card.

Valletta-Malta-GOT

Mais um cenário da série Game of Thrones. No pátio da construção de cima, Ned Starck foi decapitado no final da primeira temporada

 

Mapa com os locais mencionados no post


Leia todos os nossos posts sobre Malta:

– Tudo o que você deve saber sobre Malta: dicas e roteiro

– Como se locomover em Malta – ônibus, carro e outras opções

– Quanto custa viajar para Malta: gastos detalhados

– As melhores praias de Malta

– Malta LGBT: o país é mesmo um destino gay-friendly?

– Onde ficar em Malta: dicas de cidades e hotéis

– Quais cidades visitar em Malta

– Passeio por Comino e Gozo – as menores ilhas de Malta

– Vale a pena visitar a Popeye Village, em Malta?


Salve a imagem abaixo no Pinterest e aproveite para ver nossos Painéis de Viagem!

Malta-O-que-fazer-em-Valletta

IMPORTANTE! Não esqueça de adquirir o seu Seguro Viagem. Ele é obrigatório para entrar na Europa, mas mesmo nos países sem obrigatoriedade é muito importante ter o seguro. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma consulta médica ou internação pode custar uma verdadeira fortuna e com o seguro, você terá todo o tratamento coberto. Leia sobre quando ficamos doentes no Egito e na Espanha, ou sobre outra vez em que pegamos uma intoxicação alimentar fortíssima na Bolívia. O Seguro Viagem nos salvou!
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

Planeje sua viagem! Faça suas reservas com nossos parceiros pelos links:
Compre o Seguro Viagem com a Seguros Promo
Reserve seu hotel ou hostel com o Booking.com
Compre ingressos antecipados de atrações no mundo inteiro e evite as filas com a GetYourGuide
Pesquise os melhores preços para alugar carro em mais de 140 países com a RentCars
Compre chip de celular internacional com a Chip de Viagem
Compre passagens aéreas com muito desconto com a Passagens Promo

Curta nossa página no Facebook!