O que fazer em Aracaju – roteiro completo e dicas

Aracaju, a bela capital de Sergipe, oferece atrações turísticas muito legais e é um ponto estratégico para fazer passeios próximos incríveis! Sergipe pode ser o menor estado do Brasil, mas não falta lugares lindos para visitar. E o fato de ser pequeno facilita muito. Dá para visitar tudo com tranquilidade.

Nós ficamos 9 dias na cidade, explorando tudo, e vamos te contar com detalhes o que fazer em Aracaju. Damos as dicas de passeios e atrações, onde comer, bate-voltas próximos imperdíveis e onde se hospedar. Se liga só! :)

Onde se hospedar em Aracaju

A hospedagem é um dos pontos mais importantes para planejar bem a sua viagem para Aracaju. Leve em consideração a localização: escolha uma hospedagem na Orla do Atalaia, onde ficam as praias, o agito e também de onde saem todos os passeios.

O centro da cidade de Aracaju é mais comercial. Ele é bonito, mas só recomendamos ficar hospedado lá se você está indo pra cidade a trabalho ou para algum evento no centro.

Na Orla do Atalaia há hospedagem para todos os estilos de viajantes e orçamentos. Abaixo fiz uma lista legal de hospedagens em Aracaju, todas na Orla de Atalaia, com diferentes estrelas e faixas de preço. Nós optamos pela Vila Aju Pousada, muito aconchegante com piscina, e na época pagamos cerca de R$100 a diária.

Abaixo fiz uma lista legal de hospedagens em Aracaju, todas na Orla de Atalaia, com diferentes estrelas e faixas de preço. Dá uma olhadinha nos links:

O que fazer em Aracaju: passeios e atrações na cidade

A capital sergipana tem diversas atrações para todos os tipos de viajantes: praia, museus, centro histórico, aventura… Separamos os passeios em regiões, para ficar mais fácil de você entender e planejar o que fazer em Aracaju no seu roteiro de viagem. No final do post há um mapa com todos os pontos marcados.

Orla de Atalaia

A Orla de Atalaia é o point mais badalado de Aracaju, pois reúne atrações turísticas, áreas de lazer incríveis e muitos restaurantes e lojinhas. A Orla tem 6 quilômetros, indo da Praia de Cinelândia até a Praia dos Artistas. Fazer uma caminhada pelas calçadas largas e bem cuidadas, passando por todos os pontos turísticos, é passeio obrigatório.

Comece pela passarela do Caranguejo, onde você poderá tirar uma foto ao lado do famoso caranguejo gigante. Sabia que o animal é símbolo da cidade e também um dos pratos mais consumidos por lá?

aracaju-passarela-do-caranguejo

Os Arcos de Atalaia, com o monumento “Eu Amo Aracaju” é um dos pontos para foto mais concorridos. Seguindo um pouco mais adiante há também o Monumento aos Formadores da Nacionalidade, que reúne estátuas de personalidades importantes para a história do Brasil, como Zumbi dos Palmares e Princesa Isabel.

aracaju-monumento formadores-nacionalidade

O Mundo Maravilhoso da Criança é uma ótima opção para os pequenos na Orla de Atalaia, pois é um parquinho equipado com brinquedos. E coladinho com ele está o kartódromo Emerson Fittipaldi, onde quem adora velocidade se diverte. Diz aí, você nunca imaginou em andar de kart na orla da praia, imaginou?

o-que-fazer-em-aracaju-mundo-maravilhoso-crianca

Um pouco mais adiante está o imperdível Projeto Tamar. A entrada custa R$28 (inteira) ou R$12 (meia-entrada) por pessoa. Ao visitar, você aprende muito sobre o trabalho do Tamar, a vida das tartarugas e outros animais marinhos e preservação ambiental. Lá pode ver diversas tartarugas de espécies diferentes que forma resgatadas e até tubarões! A compra do ingresso contribui para a continuação do trabalho do projeto, o que é muito importante!

o-que-fazer-em-aracaju-projeto-tamar

Ainda na Orla de Atalaia não deixe de visitar a Feira do Turista, uma galeria grandona com dezenas de lojinhas de artesanato, quitutes, roupas, bebidas, objetos de decoração e souvenirs diversos. Nós não somos consumistas, mas compramos diversas coisas na feira, porque foi difícil resistir! O espaço fica aberto todos os dias das 10h às 22h, mas cada lojinha tem seu horário de funcionamento. De sexta a domingo tem forró ao vivo no espaço da praça de alimentação ali dentro.

Tem ainda a região dos lagos, onde é possível andar de pedalinho ou apenas relaxar próximo do mar e dos lagos.

Leia também: Quanto custa viajar para Sergipe: gastos em Aracaju e passeios próximos

Parque da Cidade + Teleférico de Aracaju

O Parque da Cidade é um parque bem grandão e muito bonito, vale a pena visitar para aproveitar o refúgio  verde. A entrada no parque é gratuita e lá dentro está o Zoológico de Aracaju. Nós não somos fãs de zoológicos e turismo com animais presos, por isso não fomos, mas fica a informação. O zoológico é pago.

O mais legal do parque, no entanto, é o Teleférico de Aracaju. A entrada custa R$24 a inteira e R$12 a meia, já considerando o percurso de ida e volta. No caminho, você passa por cima do parque e do zoológico, e a sensação de estar no meio da vegetação traz muita paz!

Chegando lá em cima você tem uma vista muito legal de Aracaju de cima, e ainda pode fazer uma pequena trilha de 500 metros até o Mirante Parque da Cidade. Infelizmente no dia que fomos estava fechada. Nessa porção do parque há diversos saguis soltos, com certeza você vai encontrar algum no caminho!

teleferico-de-aracaju

Aracaju vista do alto do teleférico

Centro Histórico de Aracaju

Não dá pra falar sobre o que fazer em Aracaju sem mencionar o centro histórico, que tem partes bem bonitas e conservadas e nos pareceu bem seguro para visitar. A cidade foi toda planejada e dá para perceber isso! Você pode visitar o centro por conta própria, caminhando, já que os pontos de interesse estão bem próximos.

A primeira parada é o calçadão da Praia Formosa, na beira do Rio Sergipe. Apesar da região não ser uma praia, o nome ficou porque há séculos os moradores locais achavam que esse braço do rio já fazia parte do mar, de tão amplo que ele é.

A seguir, o Largo da Gente Sergipana é um dos nossos pontos favoritos de Aracaju. Um deck na beira do rio reúne 8 esculturas gigantes, cada uma representa uma manifestação folclórica de Sergipe. Atravessando a rua está o Museu da Gente Sergipana, gratuito! Vale a pena entrar para aprender mais.

o-que-fazer-em-aracaju-largo-da-gente-sergipana

A Praça Almirante Barroso, mais conhecida como “praça dos 3 poderes” é muito bonita, com um lindo coreto e edifícios históricos importantes, como a Câmara Municipal de Aracaju e o Tribunal de Justiça. Coladinha com ela está a Praça Olimpo Campos, onde fica a Catedral Metropolitana de Aracaju.

o-que-fazer-em-aracaju-centro

Praça dos 3 Poderes

Ao lado, não deixe de visitar o Museu do Artesanato Sergipano, que reúne lojinhas e restaurantes. Lá você pode comprar a roupas e produtos com a renda típica do estado, além de quitutes e souvenirs.

No centro de Aracaju há 3 mercados municipais importantes, que estão localizados um ao lado do outro: Mercado Municipal Antônio Franco, Mercado de Artesanato Thales Ferraz e o Mercado Municipal Albano Franco. Entre os 3 você vai encontrar de tudo: frutas, legumes, castanhas, queijos, bebidas, embutidos, conservar, roupas, sapatos, acessórios, flores, objetos para a casa, decoração, souvenirs… Tem de tudo mesmo, então separe ao menos 2 horinhas para explorar. Nós compramos um tapete enorme para nossa sala por R$ 90!

pimentas-mercado-municipal-aracaju

Alô pimenteiros de plantão! Essas belezinhas vocês encontram no mercado municipal de Aracaju

Bem próximo aos mercados está o Centro Cultural de Aracaju, de entrada gratuita! Nas visitas guiadas você vai aprender sobre o edifício e a história da cidade. Lá dentro tem uma biblioteca, um teatro e um cinema.

Subindo a Colina de Santo Antônio, você chegará na pequena Igreja de Santo Antônio, onde Sergipe foi fundada. A vista dali de cima! Você vê o Rio Sergipe, a ponte João Alves e todo o centro de Aracaju. Na praça tem uma sorveteria bem gostosa. Não perca a oportunidade de provar o sorvete de mangaba, fruta importante do Sergipe.

Praias de Aracaju

As praias da cidade de Aracaju podem não ser tão espetaculares quanto as praias de outras capitais nordestinas, porque a água do mar é mais escura, devido ao encontro muito próximo do rio com o mar. Mesmo assim, são praias muito boas e quem viaja para lá vai querer aproveitar!

Quanto mais pro sul da cidade você vai, melhores são as praias, porque a faixa de areia vai ficando menor. Você vai reparar que nas praias da Orla de Atalaia (Cinelândia, Praia do Atalaia e Praia dos Artistas) a faixa de areia é ENORME, tem que andar muito até chegar no mar e as estruturas de barracas e restaurantes não ficam perto do mar.

Descendo mais, você pode optar pela Praia de Aruana, Praia do Robalo, Praia do Sarney, Praia do Refúgio e Praia do Mosqueiro. Em todas essas há uma boa estrutura de barracas de praia a beira-mar, para você aproveitar o dia numa boa.

praias-aracaju-naufragos

Praia dos Náufragos

As barracas de praia mais tops de Aracaju são:

  • Parati Beach Club – Praia do Refúgio
  • Moqueca Alagoana – Praia do Mosqueiro
  • Havanna Beach Bar – Praia do Robalo
  • Duna Beach Club – Praia do Refúgio
  • Kite Beach Club – Praia do Robalo – tem música ao vivo no fim da tarde, fica na zona onde a galera pratica Kite Surf
  • Paraíso do Baixinho – Praia do Sarney – é um restaurante bem mais simples, mas vale a pena visitar, o Baixinho é um verdadeiro personagem que começou vendendo cachorro quente na praia.
  • Mar de Espanha – Praia do Sarney
  • Bar da Miriam – Praia do Robalo

Melhores passeios bate-volta saindo de Aracaju

Uma das grandes vantagens de viajar para Aracaju é a enorme oferta de passeios próximos para explorar as mais diferentes belezas naturais e históricas. Todos os passeios fizemos com a TopTur e recomendamos!

Mangue Seco (Bahia)

Eu sei que o tema do post é o que fazer em Aracaju, mas vale a pena dar uma corridinha na Bahia. A linda praia de Mangue Seco é a terra de Tieta e fica a 100km de Aracaju. É um passeio imperdível para curtir a praia paradisíaca, com mar verdinho e areia branca, além de curtir um rolê radical de buggy ou quadriciclo. O bate-volta dura o dia todo e custa R$110 por pessoa.

Leia o nosso post completo: Mangue Seco, na Bahia: tudo sobre o passeio saindo de Aracaju

mangue-seco-dunas

Mangue Seco

Croa do Goré e Ilha dos Namorados

Já imaginou ir de barco, pelo Rio Vaza Barris, até dois bancos de areia paradisíacos para passar o dia curtindo a boa vida? É exatamente isso que você faz no passeio à Croa do Goré e Ilha dos Namorados. O catamarã é todo equipado para você comer e beber ao longo do dia.

Na Croa do Goré há opção de fazer um passeio de jet ski, stand up paddle ou caiaque, pagos a parte. Na Ilha dos Namorados, você vai se surpreender com as lagoas naturais em meio as dunas, que lembram de leve Jericoacoara e os Lençóis Maranhenses. Pagamos R$130 por pessoa.

Leia o nosso post completo: Passeio para Croa do Goré e Ilha dos Namorados saindo de Aracaju

Lagoa dos Tambaquis e Praia do Saco

Bem próximo de Aracaju está a famosa Lagoa dos Tambaquis, onde você pode nadar com os tambaquis gigantes que são mansinhos. Ao redor da lagoa há vários restaurantes, você pode escolher qualquer um deles para passar algumas horas relaxando.

A Praia do Saco é a última praia de Sergipe, antes da divisa com a Bahia. Já foi eleita uma das praias mais bonitas do Brasil pela revista francesa Voyagers! Você consegue combinar o passeio a esses dois destinos no mesmo dia, seja indo por conta própria ou com passeio (como nós fizemos e pagamos R$80 por pessoa).

Leia o nosso post completo: Passeio à Praia do Saco e Lagoa dos Tambaquis em Aracaju

lagoa-dos-tambaquis-gabi-2

Lagoa dos Tambaquis

Laranjeiras e São Cristóvão (cidades históricas)

Para quem gosta de história e quer sair um pouco do circuito das praias, as cidades de São Cristóvão e Laranjeiras são paradas obrigatórias. Ambas são cidades em estilo colonial bem preservadas e podem ser visitadas no mesmo dia. Nós resolvemos fazer esse passeio por conta própria e alugamos um carro com a RentCars.

São Cristóvão está a 25km de Aracaju e Laranjeiras a 23km, mas para lados opostos. Adoramos São Cristóvão, uma cidade bonita, preservada e segura. Já Laranjeiras estava meio abandonada. E depois de ler vários relatos de assaltos lá na internet, ficamos apreensivas. Achamos que Laranjeiras pode ficar de fora do roteiro. Se você optar visitar as cidades com passeio fechado, na TopTur custa R$150 por pessoa.

Leia o nosso post completo: Passeio para São Cristóvão e Laranjeiras, saindo de Aracaju

Cânions do Xingó no Rio São Francisco e Rota do Cangaço

Talvez o passeio mais espetacular do Sergipe seja a visita aos Cânions do Xingó, no Rio São Francisco, aliado à Rota do Cangaço para fazer a trilha e chegar ao local onde Lampião e Maria Bonita travaram a batalha final. A navegação pelo Rio São Francisco e a parada na grota do Talhado, onde você pode nadar e fazer um passeio de barco são momentos inesquecíveis.

Para visitar os Cânions você deve ir até Canindé de São Francisco, que fica a 200km de Aracaju. Se optar pelo bate-volta será um dia bem puxado, nós preferimos dormir uma noite em Piranhas, para no dia seguinte fazer a Rota do Cangaço.

Leia os nossos dois posts completos sobre esses tours:

quanto-custa-passeio-para-canions-do-xingo

Cânions do Xingó, no Rio São Francisco

Parque dos Falcões

Por último, mas não menos importante, temos o passeio ao Parque dos Falcões, que fica a 50km de Aracaju, dentro do Parque Nacional da Serra de Itabaiana. Infelizmente foi o único passeio que não conseguimos fazer por conta da pandemia.

No parque você visitará o santuário das aves de rapina que são resgatas de tráfico, onde elas são cuidadas para, depois, serem devolvidas para a natureza. Lá você pode ter a experiência de interagir com as aves. O passeio com a TopTur custa R$124 por pessoa.

Onde comer em Aracaju – dicas de restaurantes

Falar sobre o que fazer em Aracaju é importante, mas saco vazio não para em pé, né? Na Orla do Atalaia há dezenas de restaurantes e barracas de praia onde você pode encontrar todo tipo de comida, das mais econômicas às mais caras. Então, na dúvida, a dica é ir para a Orla e dar uma volta para escolher onde comer. No centro histórico também há uma boa variedade de opções. Abaixo deixamos dicas dos melhores!

Casa de Forró Cariri Av. Santos Dumont, 1870, Orla de Atalaia – restaurante super tradicional para se esbanjar na comida nordestina, com shows de forró. Serve petiscos, pratos e bebidas. A caipirinha de caju é nota 10!

o-que-fazer-em-aracaju-forro-cariri

Casa de Forró Cariri

Atlanta Chopperia e Restaurante Av. Santos Dumont, Orla de Atalaia – localizada literalmente ao lado do Cariri, o Atlanta é outro restaurante bom para almoçar, jantar ou ir tomar um chopp. Rola música ao vivo quase todos os dias (sertanejo).

Rei da Sopa Av. Santos Dumont, Orla de Atalaia – também ao lado do Cariri, o Rei da Sopa é um restaurante mais simples, porém tradicional de Aracaju, muito frequentado pelos locais. Como o nome indica, o forte são as sopas.

Ponto da PicanhaAv. Santos Dumont, 1930, Orla de Atalaia – Localizado no outro extremo da Orla, próximo do Farol, o Ponto da Picanha é uma ótima pedida para carnívoros de plantão. No almoço eles tem uma promoção de churrasco para 2 pessoas por R$53,00.

Bar do AlvesPraia dos Artistas, Orla de Atalaia – Bem no comecinho da Orla, na Praia do Atalaia fica o Bar do Alves que vende pastéis muito bons. Prove o pastel de Aratu, um crustáceo primo do caranguejo e típico da região.

Conversa FiadaAvenida Santos Dummont, 44, Orla de Atalaia – Um restaurante simples, mas muito bom, com petiscos livres no buffet.

Carrara Food Park R. Niceu Dantas, 330, Atalaia – Nada melhor que um foodpark para você poder escolher entre diversas opções de comida, né? Lá tem hambúrgueres, churrasco, comida japonesa, pastéis, pizza, acarajé e comida típica nordestina. Comemos no Jack Burgers e estava ótimo!

Trem de Minas Rua Aricio Guimarães Forte, 160, Atalaia – Restaurante mineiro por quilo bom e com preço econômico. Frequentado por locais, o forte deles é a feijoada e o torresminho.

João do Alho – R. Júlio Santana, 478 – Localizado no centro de Aracaju, esse restaurante na beira do rio é um dos melhores locais para comer caranguejo na cidade. Há também petiscos e bebidas para curtir o fim da tarde.

Sorveteria ao lado da Igreja de Santo Antônio – Rua Claudio Batista, 11 – Essa sorveteria sem nome, que fica ao lado da Igreja de Santo Antônio no centro é uma parada imperdível. Lá você poderá provar sorvetes das frutas típicas de Sergipe, incluindo a nossa favorita Mangaba!

Agradecemos ao nosso seguidor Wesley Trindade, morador de Aracaju, por ter nos dados vária dicas ótimas de restaurantes e bares na cidade!

MAPA: o que fazer em Aracaju

Veja no mapa abaixo todos os pontos mencionados nesse post sobre o que fazer em Aracaju.

Legenda:

  • Roxo: passeios e atrações em Aracaju
  • Verde: passeios em cidades próximas a Aracaju
  • Vermelho: bares, restaurantes e barracas de praia

Tem mais dicas sobre o que fazer em Aracaju? Deixe nos comentários! :) 


Outros posts que podem te interessar

– Quanto custa viajar para Sergipe: gastos em Aracaju e passeios próximos

– Cânions do Xingó no Rio São Francisco: tudo sobre o passeio

– Rota do Cangaço: a trilha que explora os últimos passos de Lampião e seu bando

– Onde ficar em Piranhas: base para conhecer o Rio São Francisco

– Passeio à Praia do Saco e Lagoa dos Tambaquis, em Aracaju

IMPORTANTE! Não esqueça de adquirir o seu Seguro Viagem. Ele é obrigatório para entrar na Europa, mas mesmo nos países sem obrigatoriedade é muito importante ter o seguro. Nos Estados Unidos, por exemplo, uma consulta médica ou internação pode custar uma verdadeira fortuna e com o seguro, você terá todo o tratamento coberto. Leia sobre quando ficamos doentes no Egito e na Espanha, ou sobre outra vez em que pegamos uma intoxicação alimentar fortíssima na Bolívia. O Seguro Viagem nos salvou!
Faça aqui uma cotação sem compromisso e ganhe 5% de desconto com o cupom ESTRANGEIRA5

Planeje sua viagem! Faça suas reservas com nossos parceiros pelos links:
Compre o Seguro Viagem com a Seguros Promo
Reserve seu hotel ou hostel com o Booking.com
Compre ingressos antecipados de atrações no mundo inteiro e evite as filas com a GetYourGuide
Pesquise os melhores preços para alugar carro em mais de 140 países com a RentCars
Compre chip de celular internacional com a Viaje Conectado
Compre passagens aéreas com muito desconto com a Passagens Promo